Aplicativo de mobilidade urbana Yet GO chega à Teresina para concorrer com Uber

Segundo a assessoria da empresa, o cadastro está sendo feito pelo site da Yet Go e provavelmente em abril o serviço comece a operar na capital.

Os taxistas teresinenses contarão com mais um serviço de mobilidade urbana para concorrerem, trata-se da empresa Yet Go, principal concorrente do aplicativo Uber que já começou a cadastrar motoristas na cidade de Teresina.

Segundo a assessoria de comunicação da empresa, o cadastro está sendo feito pelo site da Yet Go e provavelmente no mês de abril o serviço comece a operar na capital. “No momento estamos em fase de cadastro de motoristas na cidade e, brevemente, iniciaremos a operação”, informou.

A novidade do serviço é que além dos carros, podem ser feitos também o cadastro de motos. E caso queiram os taxistas e mototaxistas, eles podem também se associar ao aplicativo, sendo que o valor cobrado pela viagem seria de responsabilidade da Yet Go.

Além de estar dentro de um perfil que a companhia exige, o veículo também deve atender algumas normas para o serviço de transporte comum, o carro deve ter sido fabricado no máximo até 2010, ter quatro portas e ar-condicionado. Não há restrição de cor ou modelo de carro.

O aplicativo promete preços mais baratos que os serviços tradicionais com Uber e Táxi. O valor praticado para veículo comum é de R$ 1,7 por km, R$ 3 por tarifa base e mais R$ 0,15 por minuto. Para o carro de luxo, o quilômetro é de R$ 2.

A Yet Go pertence a um grupo de investidores do Rio Grande do Sul, Belém e Belo Horizonte e está avaliada em mais de 100 milhões de reais. Eles pretendem abrir o capital da empresa até o fim do primeiro semestre de 2017. O aplicativo é gratuito e está disponível para Android e iOS.

Artigo publicado originalmente em GP1